segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Niver de São Paulo

Aloha!

Como diz aquela música "Sãooo, Sãooo Paulooooo meeeeeeeu amor. São, São Paulooooooo quanta dor".

Pois é, tenho o costume de reclamar do trânsito, da poluição, do velocidade frenética que temos que passar o dia, correndo sempre e sendo orientados pelo relógio.
Muitas vezes é impossível cumprir compromissos. Esta cidade é realmente caótica, mas eu amooooooo... E como amo!
Amo passear pelo Ipiranga, ouvir sempre as mesmas estórias de infância do meu pai, gosto (por incrível que pareça) de ir no Cemitério do Araçá visitar meus entes que já se foram e ficar por lá, admirando as esculturas e sempre (digo, SEMPRE MESMO), passo no mausoleo da Polícia Militar.
Gosto também da avenida Paulista, só de passar por lá fico alegre. Gosto de ir a Galeria do Rock e osbervar como existem pessoas tão diferentes de mim e que me tratam tão bem.
Gosto de baladinhas gays (sempre me divirto muito), gosto de ir comer lanche de pernil no na Banca do Estadão.... Gosto de passar na baixada do Glicério e imaginar como foi a vida por lá há 60 anos atrás...
Gosto de ir na Catedral da Sé e ver os Monges (ou serião padres?), cuidando dos mendigos. Gosto de ir na 25 de março e principalmente na Ladeira Porto Geral onde compro minhas bijux. Gosto do Mercado Municipal (apesar que nunca tive coragem de comer aquele lanche de mortadela)...
Gosto das baladinhas: Vila Olímpia, Vila Madalena...Não importa o lugar... Qualquer lugar lá é bom demais.
Gosto de saber que posso querer qualquer coisa, em qualquer hora que em SP vou encontrar.
Gosto de passar na Avenida Bandeirantes e ver os aviões, gosto de ir na Marginal do Rio Pinheiros e admirar aquelas construções luxuosas e pensar: "Um dia vai ser meu!!".
Gosto de ir aos cinemas, teatros, museus. Gosto de andar de metrô.
Gosto de ir ir ao Bairro do Bexiga e comer a "verdadeira pasta da Nona".
Gosto do bairro da Liberdade e ver de perto uma cultura tão distânte da minha.
Gosto do Parque do Ibirapuera... Ah... Esse parque para mim é muito especial.

Enfim... apesar de reclamar muito amo SP! Talvez não moraria, mas amo saber que está apenas 11km de casa... rs

Abaixo segue uma música que ouço desde sempre e que expressa tudo o que sinto por São Paulo:

"São Paulo que amanhece trabalhando
São Paulo que não pode amanhecer
Porque durante a noite, paulista vai pensando
Nas coisas que de dia vai fazer
(...)
Começou um novo dia
Já volta, quem ia
O tempo é de chegar
De metrô chego primeiro
Se tempo é dinheiro
Melhor vou faturar
(...)
Portas de aço levantam
Todos parecem correr
Não correr de, correm para
Para São Paulo crescer
(...)
Vambora, vambora
Ta na hora vambora, vambora!"

Beijos

2 comentários:

Maira disse...

Qqéisso mulher nunca comeu o lanche de mortadela do Mercadão????? não sabe o que está perdendo, melhor só o pastel de bacalhau hummmmmmm, vc. TEM que experiementar.
Bye bye

ღ Miss American Dream ღ disse...

Nossa, valeu as dicas, hahaha. Naum resta duvida de q naum conheco nada do meu Estado. Mas ta tudo anotadinho aqui. Adorei o post!